quinta-feira, 25 de junho de 2009

Heroína por um treino

Sozinha no campo de tiro, a aproveitar a tarde para treinar e relaxar de um dia cansativo, reparei que na verdade não estava sozinha. Era observada por um coelho jovem, que nem 20 cm tinha ainda.
Estava a cerca de 20 m de mim, e ali se manteve muito tempo, a fazer-me companhia enquanto eu atirava, sempre atento.
Estive para me aproximar várias vezes para lhe tirar uma foto melhor, mas ele mantinha um ar tão alerta que não me atrevi, com medo de assustar a minha companhia.
Subitamente, começou a correr na minha direcção, pelo que fiquei imóvel para ver onde parava, mas quando estava a cerca de 5 m de mim, reparei que em sua perseguição vinha uma cobra, com cerca de 1,5m, já quase no seu encalço, cabeça fixa na presa, a menos de 1m do meu "amigo".
Sem hesitar, avancei rapidamente em direcção à cobra, o coelho contornou os meus pés e parou imediatamente atrás de mim, a cobra virou subitamente para o lado do rio e desapareceu no meio dos arbustos.
O coelho ficou uns segundos ali, atrás de mim, a olhar para mim, depois correu para o lado, e foi-se deitar debaixo de um bastidor, onde ficou durante o resto do meu treino, a descansar da emoção forte de ter sido quase comido.
Bem sei que é a lei da natureza, que a cobra tambem merece comer, mas pelo tempo que me fez companhia já era meu amigo, meu companheiro de treino. Além disso era mesmo muito jovem, merece uma segunda chance.
Despedi-me dele quando saí do campo, desejando-lhe boa sorte e olho aberto junto aos arbustos.

3 comentários:

SS disse...

Podias ter trazido o bichano para o teu zoo, não para ficar lá definitivamente, só para passar uns dias longe das "cobras e lagartos"

JF disse...

Pois é ... era de esperar ... com tanto "Veneno" que anda pelo Tiro com Arco mais cedo ou mais tarde as cobras tinham de aparecer!

Não sei levar o bicho para tua casa seria boa ideia... pelo menos o coelho desta vez teve mais sorte que o passarinho.

Anónimo disse...

Lembras-te,quando chegaste da China,daquele belo jantar na Calhandriz.Isabel