segunda-feira, 29 de março de 2010

Charada de fim de tarde

Para vos alegrar este fim de dia de trabalho, deixo-vos uma pequena charada:

Qual é coisa qual é ela, espectacular de se fazer numa segunda-feira, quando se vestiu umas calças de cor cinzento claro, acabadinhas de lavar e passar?
.
.
.
.
.
Substituir duas bombas de esgoto, pois tá claro!

quinta-feira, 25 de março de 2010

(Pitt)Bullying

É o assunto da moda, toda a gente fala dos abusos dos putos em relação aos mais fracos, como se fosse um fenómeno novo, uma tendência nunca vista.

Não me vou alongar sobre este assunto, já muito é dito por esse ciberespaço fora, até demais. Para mim isto é só mais um exemplo do politicamente correcto, agora aplicado à descrição da inter-actividade normal das crianças, que SEMPRE foi assim. A única diferença é que com toda a informação que têm disponível na era de realidade aumentada em que vivemos, as ideias para os disparates são outras e a dimensão dos estragos é directamente proporcional.

Todos nós somos vítimas de bullying, todos os dias, em diversas situações. No trabalho, no ginásio, nas compras, em família, há sempre pelo menos um chico-esperto que nos faz a vida num inferno e é a forma como lidamos com isso que faz de nós o que somos.

Até eu sou vítima de bullying, todos os dias, dentro da minha própria casa! Sempre que chego, abro o portão e lá estão eles, os agressores, à minha espera. E eu já sei que não vale a pena adiar nem fugir, mesmo que me tente esconder por mais uns minutos dentro do carro, mais cedo ou mais tarde vou ter de os enfrentar e aguentar a tortura habitual.

Quando abro a porta do carro, começa o abuso. Duas cabeças enormes irrompem pela porta, focinham contra mim, cada uma a tentar obter mais atenção que a outra e eu debato-me para conseguir sair e fazer a árdua travessia até à porta de casa, enquanto me tento equilibrar por entre as investidas dos dois "bulls" contra mim.

Sim senhores, eu confesso aqui, hoje, que todos os dias sou vítima de pittbullying. Todos os dias sou forçada e obrigada a dar festas e mimos como se não houvesse amanhã, como se não os visse há meses, enquanto sou fustigada por um total de cerca de 70kg de cão, nas pernas, nas mãos e em tudo o mais que eu trouxer comigo.

Este é de facto um flagelo da sociedade e acho que mais pessoas deveriam "sofrer" o mesmo tratamento, pois assim talvez aprendessem a distinguir conceitos e começassem a dar importância ao que realmente interessa.

terça-feira, 23 de março de 2010

Sorte no Amor, Azar no Jogo (e no resto)

Diz-me muitas vezes o Homem-Que-Não-Assina que somos azarados e nunca vamos ser ricos porque temos "a outra coisa".

Ora, contra isso nada, mas vamos lá ver por exemplo esta semana:
- Domingo: parti os óculos de sol;
- 2ª feira: o ecrã do portátil pifou;
- 3ª feira: os 2 pneus da frente do meu carro desfizeram-se (literalmente) passado uns meros 30 000km;

Ok, é tudo muito bonito e somos muito felizes e tal, mas será que é preciso tanto azar junto para justificar isso?

Não quero provocar os deuses ainda mais nem irritar ninguém mais azarado que eu, mas acho sinceramente que mesmo que fôssemos podres de ricos íamos ser felizes na mesma...a sério!

Já tenho medo de quarta-feira....

(imagem de www.dreamstime.com)

Recadinho matinal

A todos os automobilistas e em especial camionistas que esta manhã, ao verem uma mulher a mudar um pneu numa estrada empoeirada, aproveitaram para fazer um pequeno desvio intencional de forma a fazer uma nuvem de pó projectada na direcção da dita mulher, o meu muito obrigado, sempre foi o meu sonho poder um dia comer quilos de pó de uma só vez e hoje finalmente consegui realizá-lo.

Só me resta desejar-vos tanta ou mais sorte que a minha, mas de preferência num dia de chuva intensa, numa subida ou descida íngreme, à porta de uma penitenciária em dia de saída de reclusos, com o macaco encravado.

Ficai bem!

sábado, 20 de março de 2010

Como reconhecer um pobre

Durante alguns dias o Homem-Que-Não-Assina teve direito a andar num Audi A4 2.0 TDi.
A primeira vez que entrei no carro, o som do bater da porta foi tão abafado que a voltei a abrir e fechar 3 vezes, cada vez com mais força, mas o som continuava a parecer-me demasiado baixo para ter fechado.

O HQNA ria-se com ar condescendente: "Já está fechado! É mesmo assim..."

Sou tão pobre!


sexta-feira, 19 de março de 2010

Dia do Pai

Os dias não andam fáceis, a vida de adulto parece ter fases que nos ultrapassam em tempo, destreza e concentração. Porque os últimos tempos têm sido assim, quase me passava ao lado este dia.

Felizmente lembrei-me a tempo e a vantagem de ter um blog é que fica em histórico, para mais tarde recordar...

Ao meu pai, que tanto me tem ensinado como lidar com a vida, um grande beijinho e não há obrigados que cheguem para agradecer o que devo.

Feliz dia Pai.

quarta-feira, 17 de março de 2010

A amizade é...

...estar presente nos momentos difíceis.


O Mistério Desvendado

Alguma vez se perguntaram o que fazem os nossos bichos quando não estamos a ver?
Mais uma vez a prestar serviço público, o NãoGostodeErvilhas vai desvendar este grande segredo.

Basicamente o que eles fazem é isto:

sábado, 13 de março de 2010

Fã do Mika

Há muito tempo que não ficava fixada num artista assim. Até me faz lembrar os tempos da minha febre Richard Marx...mas disso falarei noutro post.
Estou completamente rendida às músicas do Mika. Sou só eu que ouço um bocadinho de Freddie Mercury em grande parte dos sons?

O último albúm é simplesmente fantástico, gosto de todas, de tal forma que foi muito difícil a escolha de qual pôr aqui. Acabei por decidir-me por esta aqui em baixo, mas se puderem, visitem o Grooveshark e ouçam o álbum The Boy Who Knew Too Much.

sexta-feira, 12 de março de 2010

Obras

Os leitores que habitualmente me visitam pelo Reader não vão dar por isso, mas para todos os outros que visitam a página principal, se virem mudanças ao nível estético não se admirem, o NaoGostodeErvilhas está em remodelações.
Como ainda não consegui encontrar o "look" que realmente define a ideia deste blog, ando em experiências, com cores, fundos e tipos de letra. Quando o encontrar, aviso, ok? Até lá este blog vai ser um verdadeiro espectáculo de luz, cor e mudanças de tema.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Engenharia Aplicada (à Costura...)

Tenho cá a impressão que de vez em quando confundo os meus leitores.
Quem não me conhece e aterra neste blog por acaso deve ficar um bocado baralhado com tanto tema misturado: gatos, costura, cães, culinária, computadores, aquários, desporto, fotografia...e muita sorte têm que ainda não me deu para falar de programação, quadros eléctricos e decoração. Mas não desesperem, lá chegaremos...ter um blog pessoal é assim, ponho cá o que me der na gana!

Só para esclarecer, sim, este blog só tem um autor, sou eu:
Engenheira de Formação, Desenrasca de Profissão, Fada do Lar nos Tempos Livres e Geek nas Horas Vagas.

Hoje, ao contar um pequeno desastre doméstico a uma amiga, ela imediatamente me disse: "Já te estou a ver a inventar uma maneira qualquer de isso não voltar a acontecer!". Achei piada ao comentário e de imediato me veio à cabeça uma das tarefas a que me dediquei este fim de semana.

No projecto de costurar uma nova capa para o sofá, para conseguir aproveitar os retalhos que comprei a preços reduzidos nos saldos, utilizei o programa que normalmente uso para os esquemas eléctricos. Em vez de matar a cabeça a fazer contas e passar uma tarde inteira a esboçar tentativas num papel chegando provavelmente à conclusão que tinha de comprar mais tecido a preço normal, gastei 10 minutos a desenhar as peças à escala e outros 5 a a fazer o puzzle:
A esta hora está a minha amiga a rir...sim, tens razão, sou mesmo assim! Geek!

De facto tenho uma atitude permanente de resolver os problemas com engenhocas. Poupar tempo e dinheiro com a melhor ferramenta que tenho: alma de engenheiro.

sexta-feira, 5 de março de 2010

16 dias para a Primavera

Que saudades de amanhecer com sol...

quinta-feira, 4 de março de 2010

Scuba Ciro

Eu tinha a rotina de dar comida 1 vez por dia, a tarde, e o desaparecimento dos peixes mais pequenos era sempre nocturno. Depois de ler alguns artigos e falar com entendidos, concluí que parte do problema era fome, a outra parte era o instinto natural de caçar.

Sendo assim, instalei um alimentador automático, regulado para 2 vezes por dia, sendo a 2ª vez agendada para 1 hora antes da hora de apagar as luzes. Assim vão dormir de barriguinha cheia e deixam-me os neons (e os cardinais) em paz...
Tem resultado bem, e mais informo que não gastei 40 ou 50 euros num alimentador, como se vendem por aí. Comprei 2 por 30€, num site chinês, e funcionam excelentemente. Já me posso dedicar a formar os cardumes que queria. Para já tenho 7 neons, 8 cardinais e 2 machadinhas.

Agora vem a verdadeira historia deste post.
Como tenho 3 gatos achei uma boa ideia ter um aquário com tampa. Mas para instalar o alimentador tinha de fazer uma abertura na tampa ou deixá-la semi-aberta.
O que fiz foi desencaixar a tampa e pousá-la um pouco mais ao lado, deixando uma fresta para a saída do alimentador. Uma situação completamente estável, não fosse a mania que o Ciro tem de se deitar em cima do aquário...
Ontem quando cheguei a casa, a dita tampa estava dentro do aquário e o Ciro tinha as patas da frente ainda molhadas...imaginam a cena?

Só tenho pena de não ter lá estado para ver. Acho que ainda me estava a rir agora...
Nos anos ofereço-lhe um escafandro!

Wii - um desporto violento

Isto dos jogos e consolas são manias que vão dando com mais ou menos força, conforme o tempo, o clima e o que apetece.
Andamos agora com uma febre de Mario Kart. É o jogo mais básico que temos, mas desde que experimentámos jogar online com viciados de todo o mundo, ficámos fãs. O nível é altíssimo, e torna um joguinho parvo de corridas numa verdadeira batalha de 3 voltas demoníacas.

O melhor de tudo neste jogo é que nada é garantido e são tantos os truques disponíveis que estar num confortável primeiro lugar ou ter um veiculo mais rápido ou maior que os outros não quer dizer rigorosamente nada, porque a qualquer momento podemos ser atingidos por uma tartaruga, um míssil, ou embater numa vaca.
Por muito mau que tenha sido o vosso dia, garanto que 5 minutos a conduzir Mario Kart e já não se passa nada. São gargalhadas garantidas.

Há tempos contei aqui como tinha arranjado um torcicolo a matar zombies. Seria de pensar que Mario Kart é mais inofensivo. Bom...pelo menos para os humanos é.
Esta semana, enquanto tentava ganhar pontos entre os cromos que populam a rede Wii, consegui atingir dois inocentes com o volante. O Ciro levou com o volante no queixo, o Lucas levou com o volante na testa. Mas já deviam saber que quando a dona está a jogar Wii não há colo para ninguém!!!
Fiquei cheia de remorsos, os gatos levaram de seguida festas, biscoitos e atenções, mas suspeito que a vingança está para breve...

O Homem-Que-Não-Assina, por exemplo, já aprendeu há muito a manter a distancia, bastou uns jogos de ténis logo no inicio de termos a Wii, para levar umas "raquetadas" nas costas e aprender a lição!

quarta-feira, 3 de março de 2010

Dia de festas

Vocês nem imaginam quem é que faz anos hoje! Bom...ok, dou-vos uma pista: tem bico de papagaio!
Assim ainda há escolha, não é? Pois... então vá, e esta? É um ex-imperador romano e um software de gravação de cd's! Já lá chegaram?

O Nero faz hoje 3 anos, mas dizem que parece mais novo, aliás, uma das patas está mesmo como nova! Mentalmente eu diria que tem uns 6 meses.

De prenda pensei em deixar de manhã o pote da ração aberto mas das vezes em que o conseguiu abrir por ficar mal fechado, o resultado intestinal não foi o mais favorável.

Portanto vou antes dedicar-me à costura e fazer-lhe também um pijama. Não, não vai ser cor-de-rosa como o da Maria. Após a minha estreia como Modista Canina, recebi umas ofertas (obrigado mãezinha) de material para poder alargar a gama de clientes.

terça-feira, 2 de março de 2010

O almoço é onde um homem quiser

E quando penso que finalmente sei onde anda o meu pai:

Eu - Estou?
Pai - Sim, estou.... então está tudo bem?
Eu - Sim, tudo bem. Que numero esquisito é este?
Pai - É do Congo.
Eu - Congo??? Que estás aí a fazer?
Pai - A almoçar!
Eu - Ah! Pronto! Então está bem!