segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Esta manhã

Não Ciro, isso é no Dia de Reis! Hoje é a outra cena, com os tachos e as panelas...

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Resoluções

No ano que vem vou fazer dieta, no ano que vem vou tirar a carta, no ano que vem vou deixar de fumar, no ano que vou vou fazer exercício, no ano que vem vou ser boa pessoa.

Todos nós já fizemos destas auto-promessas. Até eu já escrevi aqui algumas, mas as promessas são tão difíceis de manter. E a culpa não é nossa, não é de quem fez a promessa, é do mundo à roda.

Não estou a dizer que se vivêssemos sozinhos, isolados do mundo, seríamos perfeitos a cumprir tudo aquilo a que nos propomos. O que digo é que se vivêssemos sozinhos não faríamos promessas, porque não haveria necessidade. Ser mais saudável para quê? Ser boa pessoa para quê?

A culpa é dos outros, se queremos ser melhores, e a culpa de não conseguirmos cumprir aquilo a que nos propomos também. As coisas mudam, as pessoas mudam e as razões que tínhamos em Dezembro de 2011 também.

Se não conseguiram atingir os vossos objectivos em 2012, não faz mal, ninguém vos condena. Têm mais um ano inteirinho para os cumprir e se entretanto os planos mudaram, boa, podemos fazer promessas melhores!

A minha resolução para 2013 é cuidar de mim, e dos meus. E isso passa por viver um dia de cada vez, venha o que vier. Claro que tenho objectivos, mas quando chegar a Dezembro de 2013, se não os tiver atingido, sei que haverá boas razões para isso e que a culpa não será minha, porque terei a consciência limpa por ter feito o meu melhor.

Para 2013 só vos desejo o mesmo, que dêem o vosso melhor!

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

A minha consciência é do caraças

São 5h28 e há mais ou menos uma hora que estou a actualizar a minha leitura de blogues no telemóvel à espera que o sono volte e a pensar porque não estou aqui estirada a dormir como uma pedra depois de um dia a arrumar, cozinhar, entreter visitas e tratar dos putos. Só agora me ocorreu que isto pode bem ser sentimento de culpa por não ter tirado aquela foto fofinha ao Ciro com o barrete de Pai Natal que estava a pensar fazer para pôr aqui em jeito de cartão de Boas Festas para desejar aos leitores do NãoGostoDeErvilhas um FELIZ NATAL!
E agora que vos confessei esta grande falta, e afirmando que apesar de não haver foto fofinha desejo sinceramente que a vossa quadra esteja a ser tão feliz quanto a minha, já sinto aqui uma pálpebra a fechar-se e a outra a dizer-me que não se fecha enquanto eu não pedir antecipadamente desculpa pelos erros ortográficos que possam encontrar, porque afinal já são 5h42, há que dar o devido desconto e tive de ensinar uma série de palavras à escrita inteligente do telemóvel para escrever isto.
Boa noite e Feliz Natal.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

A melhor de sempre

Andar por aí com os gémeos torna-nos sempre um centro de atenções. E as frases feitas já as conhecemos todas mas de vez em quando somos surpreendidos.
O homem do talho, ao ver-nos aproximar de balcão cada um com o seu marsupio, saiu-se com esta:
- Ena pá! Trazem mais algum nas costas?

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Os pormenores que se apanham muitos anos depois

Só hoje reparei o quão pouco romântica é a cena em que o Capitão Solo está prestes a ser congelado em carbono e a princesa Leia diz-lhe:
- Amo-te!
E ele olha-a nos olhos e responde:
- Eu sei!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Bacalhau com couves extra-queijo

Não sou muito de vaidades e talvez por isso não costumo olhar-me muito ao espelho, mas devo ter, com toda a certeza, ar de quem não sabe fazer nadinha.
Já é a segunda pessoa com quem tenho a seguinte conversa. E antes que me apareça a terceira, deixo já aqui a resposta:

Numa conversa sobre o Natal e a consoada, vem a pergunta:
- Então e como vai ser este Natal, com os meninos?
Ao que eu respondi orgulhosa:
- Vai ser na minha casa!
- Então e quem é que vai cozinhar?
- Eu...
- E tu sabes fazer aquilo tudo?
Seguiram-se uns segundos de silêncio durante os quais me questionei qual a dificuldade de por bacalhau e couves dentro de um tacho com água a ferver, e respondi:
- Não, vou encomendar pizzas para todos e 'tá feito!

Para além das pizzas, haverá também bolos, doces e se o Continente fizer desconto em cartão, perú no dia 25.
Não, claro que não sei fazer, vai uma empresa de catering lá a casa!

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

O Presépio é como um Homem quiser

E então se o Papa não quer pôr uma vaca e um burro no Presépio? Qual é o problema?

O da minha avó tinha um Rato Mickey e um Galo de Barcelos!

E o meu tem dois meninos nas palhinhas deitados!

E se a foto fosse melhor até viam os 2 gatos que tem no canto!

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Os putos vão aos travesseiros



E  para não dizerem que a rúbrica se devia chamar "O carrinho vai..." vou quebrar a minha regra do "no face pictures" e aqui fica a prova de que o carrinho leva recheio.

 

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Graaaanda caixote

Foi o que o Homem-Que-Não-Assina disse quando entrei em casa com os dois exemplares da direita.


Vêm substituir o antigo ecoponto (à esquerda), que por artes mágicas (ou sobrecarga de fraldas e embalagens de leite) ficou minúsculo de repente e demorava cerca de 30 segundos a encher. Vá, 30 segundos não, mas 30 minutos, talvez...

Agora, sim senhor, dois caixotes de 30L cada um, já duram um dia inteirinho. Uma fartura!

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Consciência saudável

Depois de comprar 2 pacotes de açúcar para fazer bolos, 3 latas de atum para fazer patê e 3 tabletes de chocolate, a minha consciência mandou-me comprar um molho de bróculos para não parecer mal na caixa.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Eu vou para o Inferno

Fomos visitados ontem à noite por uma cabra preta que decidiu pernoitar perto do local onde passeamos os cães, com os seus 2 cabritos.
Mas não é pela visita deste animal chifrudo da cor do carvão, frequentemento associado ao Diabo, que vos digo que vou para o Inferno.

O que se passa é que no local está também a horta do meu vizinho, e esta manhã, quando saí para ver se a cabra ainda lá estava e se podia levar os cães, dei com a horta do vizinho depenada de couves. Mas mesmo todas! E eram muitas. Sobraram as alfaces, e umas couves mais pequenas de outro grupo, cujas folhas maiores foram ainda assim mordiscadas a toda a volta.

E qual foi a minha reacção? Lamentar o coitado do senhor que todos os anos faz uma tal plantação que concerteza alimenta toda a família pelo Natal, e que a cabra estragou o Natal de uma família inteira?  Não!

Desatei-me a rir (razão nº1), mas a rir de tal forma que tive de suster a respiração para tirar uma foto (razão nº2) sem tremer.
(Vão ver a foto e vão pensar: "Mas não se vê couves nenhumas!" Exacto!)

A ideia do Natal estragado nem sequer é minha, foi o Homem-Que-Não-Assina que me disse quando lhe liguei para contar (razão nº3).

E tenho pena de não ter tirado foto da cabra (razão nº4), mas era de noite e a cabra era preta e eu não a queria assustar (razão nº5) com o flash.

terça-feira, 20 de novembro de 2012

3 meses

E hoje foi dia de festa, com direito a bolo e tudo. O macaquinho (esturricado) para o F e o elefante para o J.
Porque é que o macaquinho está esturricado? Porque ou tomo conta do que está no forno ou do que está a chorar.

A parte difícil foi meter isto nos biberons....

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Os putos vão ver o mar


sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Métodos de Arrumação

Estava eu muito entretida a arrumar a despensa quando começou a chorar um puto e virei-me para ir ver...descobri que estava do outro lado disto!

O meu método é assim, tirar tudo, atirar por cima das costas as coisas leves, por baixo das pernas as coisas pesadas e depois de tudo limpo, fazer a triagem e arrumar.

Cada um arruma à sua maneira, 'tá bem? Sempre quero ver a Niki passar para a casa de banho hoje...sim, é aquela porta lá ao fundo.

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Vai um cafézinho?

Há estabelecimentos onde pedimos um café e nos perguntam: Quer em chávena ou em copo?
Cá em casa temos ainda outra opção.

Quer em chávena ou biberon?

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Os putos vão aos treinos

...ainda têm é só um arco. Mas o Brady não se importa de ser partilhado.

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Dá-me vontade de rir...

...quando me lembro deste post sobre os contadores das bombas. Acho que nunca mais vou ver isto acontecer. Mais vale vingar-me nas bombocas!

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Shotgun Brady

Com a súbita lotação da mala do The Red Bimmer com o comboio...perdão, carrinho dos putos, o Brady ganhou direito a ir no "lugar do morto", ou em estrangeiro que é mais cool, Shotgun!

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Os putos vão à feira

Causa sempre sensação passear o "comboio" dos putos, em especial numa feira apinhada de gente.
Para além de não conseguir passar em frente a uma banca de roupa para putos sem ouvir um sonoro "à dúzia é mais barato!", como sempre, voaram os comentários e teorias sobre os gémeos.

Filha e mãe às compras:
- Ai, também gostava tanto de ter gémeos.
- Ah, mas isso tens é que escolher um homem que tenha o gene, que o gene vem do pai.

Uma cigana:
- Ai, dois meninos, que riqueza, menina! Tenha mais, tenha mais, para o ano tenha mais!

A mulher do queijo:
- Você está bem tratada, amiga! Quando começarem a ler os pensamentos um do outro, está feita!

A mulher das uvas:
- Então como fez a menina para ter dois?


quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Nunca mais descobrem que são irmãos, ó catano!

A chatice de ler clássicos é que além de já se saber o fim, há a mania do Eça de Queirós em descrever ao pormenor como a luz realça a cor dos olhos da abelha pousada em cima da flor que enfeita a jarra que está na mesa Luis XV ao lado dos reposteiros com coroas douradas debruadas a azul, na ante-câmara do quarto de hóspedes do piso de cima da casa de férias da família brasileira que está de visita. (isto é um resumo, que tenho mais que fazer)

Já isto não aconteceu com o "Triunfo dos Porcos" que apesar de já saber o fim, quando acabou, pensei: "Então? E o resto?"

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Os putos vão à FNAC

Estava-se mesmo a ver que se vai iniciar aqui uma rúbrica nova, não estava?

Lembram-se do "Bolinha vai à praia"? É mais ou menos nessa onda. Especialmente agora que já tenho ordem de soltura do médico para montar e desmontar o estaminé sozinha! Yeeeeeeehhhh, estava a ver que não! (tira carrinho do carro, monta carrinho, tira ovo nº1 do carro, põe no carrinho, tira ovo nº2 do carro, põe no carrinho, não é preciso mais nada, deixa cá ver, carteira, chave do carro, check, será que fechei o carro, será que preciso de levar a mala deles, fecha o carro outra vez, bolas, esqueci-me do telemovel lá dentro...enfim, eventualmente acabo por conseguir ir dar uma volta com eles)


- Mas ó mãe, ó mãe, temos de ir à secção de banda desenhada!
- Pronto, está bem, mas não compro nada, ouviram? Já chegou ficarem ali a empancar o corredor dos acessórios de informática, enquanto eu escolhia um rato.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Planeamento Alimentar

É uma pessoa andar semanas a planear estrear-se a fazer feijoada, reunir de propósito os ingredientes, consultar nervosamente todas as receitas e chegado o grande dia, na hora H, não tem cebolas...


Mesmo sem cebolas, não ficou mal de todo, e o Homem-Que-Serve-de-Cobaia até repetiu! Provavelmente estava com muita fome...

sábado, 22 de setembro de 2012

Pirralha 6 dedos

ATENÇÃO: este post contém imagens que podem impressionar os leitores mais sensíveis.

Mais uma vez o NãoGostodeErvilhas a prestar serviço público e a responder a mais uma grande questão.

O que acontece quando depois de meses a fio (já não me lembro quando deixaram de me servir sapatos) a calçar chinelas, se calçam finalmente uns ténis?


quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Multitask

O F. no braço esquerdo a ser embalado, o telemóvel encostado ao ombro no ouvido esquerdo a pedir preços a uma loja, a mão direita no rato do computador a pesquisar outras lojas. E não tarda muito o pé direito vai abanar a espreguiçadeira onde está o J. deitado.

Apetece-me pôr aqui aquela música do circo, sabem? Tan tan tararararatantanran... Não? Pronto, está bem, fazem-me ir à procura....e não é que achei mesmo?
Cá está ela, a banda sonora do multitasking:

Entry Of The Gladiators #2 by Circus Music on Grooveshark

E sim, este post (e muitos dos que hão-de vir) foi escrito só com uma mão.

Portugal - A falir desde 1888

Vivem-se dias em que mesmo os mais desinteressados da política (como eu) se exaltam e tiram as suas próprias conclusões.
Na minha última leitura, os Maias, houve um excerto que me fez parar para confirmar que de facto o texto foi escrito em 1888, quando ainda reinava D. Carlos:

O Cohen colocou uma pitada de sal à beira do prato, e respondeu, com autoridade, que o empréstimo tinha de se realizar «absolutamente». Os empréstimos em Portugal constituíam hoje uma fonte de receita, tão regular, tão indispensável, tão sabida como o imposto. A única ocupação mesmo dos ministros era esta - «cobrar imposto» e «fazer o empréstimo». E assim havia de continuar...
Carlos não entendia nada de finanças: mas parecia-lhe que, desse modo, o país ia alegremente e lindamente para a bancarrota.
- Num golpezinho muito seguro, e muito directo - disse Cohen sorrindo - Ah, sobre isso, ninguém tem ilusões, meu caro senhor. Nem os próprios ministros da Fazenda!... A bancarrota é inevitável: é como quem faz uma soma...

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Ele encolhe-se porque quer, tá bem?


Da esquerda para a direita: J. e F.
Seguindo a Teoria de Partilha de Espaço de Descanso Comum do Homem-Que-Não-Assina (com a qual discordo plenamente), conclui-se que o J. sai a mim e o F. sai a ele.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Razões para ter filhos

Nº 1 - Faz bem ao ego.

Comprei ontem um body que diz "Se achas que eu sou giro, havias de ver a minha mãe!"

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

O da Joana

É engraçado como a gravidez (e respectiva consequência) é um estado que anula a condição universal de privacidade.
Contando que à partida todos temos direito a essa condição, e que cada um depois a usa a seu belo prazer com mais ou menos acentuação e afinco, é no entanto certo que a partir do momento em que se assume o estado grávida, a taxa de privacidade pessoal baixa para cerca de zero. E se houver um marido, a privacidade do casal também leva um corte, com o desgraçado a dar por si em conversas sobre dilatação, maminhas e afins da sua mais que tudo, o que imagino ser pelo menos estranho.

Durante a gravidez foram inúmeras as situações onde dei por mim a tentar esquivar-me de conversas sobre o meu peito, a minha barriga ou mais abaixo ainda, com pessoas de presença na minha vida ao nível do "bom dia" e "boa tarde". Um não parar de perguntas e comentários que dá a ideia que a partir do momento em que estamos a contribuir para a população, o nosso corpo passa a ser do domínio público.

Eu tinha decidido à partida não apresentar aqui as minhas queixas, dúvidas e revoltas de grávida durante o processo (que não eram poucas já que o meu tamanho final já me dava direito a ter o meu próprio satélite a rodar à volta), à parte uma ou outra piadola, para não vos aborrecer de morte e porque há inúmeros blogs sobre isso, mas houve uma situação hilariante esta semana, que ilustra muito bem o que quero dizer.

Estando eu alegremente a regar o quintal, passa a minha vizinha da frente (pessoa ao nível do "bom dia, tá boazinha? nunca mais tapam aqui este buraco na estrada, não é?") e a seguir à simpática (e normal) pergunta "Como estão os meninos?" sai-se com um "Então e maminhas para eles, há?"

Como já devem ter percebido, o título deste post refere-se à nova condição do corpo da grávida que vem substituir a privacidade, a partir da gravidez. Mas serve também de ligação para um blog que encontrei e que substitui quase na perfeição todos os posts que eu podia ter feito. Vejo-me muito nas palavras desta blogger, que fala destas coisas de estar grávida e ser mãe com o sentido de humor certo. Aconselho a leitura do Joana come a papa porque este tipo de abordagem tornaria as conversas com quase-estranhos no domínio da privacidade muito mais agradáveis (ou pelo menos mais fáceis).

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Falta de espaço


A próxima vez que comprar uma casa tenho de medir primeiro os cantos onde os cães se podem deitar à sombra.

sábado, 8 de setembro de 2012

Azar dos azares

A minha gata preta faz 13 anos. É pena ser sábado, senão era bom dia para ir jogar no Euromilhões!


Parabéns Niki, prometo que hoje não ligamos o aspirador. Só amanhã...

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Pés

Já devem ter percebido que gosto de pés, tirar fotos as pés, meus, dos outros, enfim, pés.

Já publiquei aqui várias versões dos meus, e de cada vez que o faço peço desculpa aos leitores por mais uma publicação inútil, mas é uma coisa que gosto, fotografar pés. Chamem-lhe tara, não quero saber, há taras piores!

Alegria das alegrias foi quando de repente ganhei mais 4 pés para fotografar, e estes tão lindos e bem feitinhos!
Tenho cá a impressão que já tenho em stock quase tantas fotos dos pés dos putos como das caras...


quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Grandes Questões da Humanidade

Aposto que sempre quiseram saber o que acontece quando se despeja água a ferver numa garrafa de 1,5L de água.

Parece um anúncio da Depuralina...Antes e Depois!
Esta façanha foi obra do Homem-Que-Não-Assina, mas estou com vontade de fazer outra vez só para filmar!

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Prenda de anos

Acabei de dizer aos meus putos que amanhã é o primeiro dia que fico sozinha com eles e é também o meu dia de anos, portanto é favor de se portarem bem e não sincronizarem birras, senão em vez de 34 faço 43...

O projecto Ovelha / Coelho / Rolos, não sei, escolham!

O projecto Ovelha está acabado e já a uso.

Estas coisas dão um jeitaço, eu já tinha uma emprestada mas quando procurei outra descobri que custam para cima de 20€ nas lojas.


Para os iletrados em baby-stuff, isto serve para não perder o recém-nascido na gigantesca cama de grades. Fica a dormir entre os rolos, cuja distância se vai regulando nos velcros conforme o puto cresce.

Esta aqui custou nicles, uma toalha velha, um bocado de esponja (resto de projectos antigos) e uma manga de uma camisa velha para os bonecos (sim, esta parte era facultativa, eu é que gosto de complicar) e já está!

domingo, 2 de setembro de 2012

A beringeleira beringelou!

Um lindo exemplar com 20cm and growing!


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Telemóvel novo

Costumava queixar-me a mim mesma de ter de acartar 2 telemóveis pela casa fora, porque ora estava no andar de cima, ora no andar de baixo, e quem liga nunca espera o tempo suficiente para me deixar subir ou descer as escadas para atender.

E pronto, toma lá mais um para não te queixares. E este não podes deixar na sala a tocar sozinho...

terça-feira, 28 de agosto de 2012

O que estou a fazer agora

Os putos dão-me ideias, muitas ideias. :)
Esta ovelha é um stencil para mais um trabalho de costura.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

20 de Agosto passa a ser dia de festa

Pensa-se, imagina-se, sonha-se, fazem-se mil e um planos mas nunca se está pronto. O medo do desconhecido é uma das forças mais poderosas que faz abanar todo o forte de planos e certezas.

Há sempre uma dúvida, um medo, uma incerteza. Seremos capazes, teremos pensado bem, isto será boa ideia, nós nem somos destas coisas, que raio nos deu, medos e dúvidas que se acumulam ao nervosinho da espera.

Lembro-me de uma conversa que tive na sequência de mais uma daquelas perguntas fatais que se seguiram ao nosso casamento, quando respondi: "Falam-nos tanto disso que nem sequer nos dão tempo de pensarmos no assunto por nós!". Um amigo disse-me "Não vale a pena pensar, isto é para fazer e pronto, vão ver que é espectacular!" e lembro-me de ficar a pensar se ele não estaria enganado no tema, e se referia na verdade ao bungee-jumping.

Compreendo agora o que me queria dizer. Ele não se referia a nenhum tipo de actividade radical irreflectida. É de facto algo que só se deve fazer quando se está pronto, sem dúvida, mas o medo faz-nos nunca estar prontos, mesmo depois de não haver volta atrás.

O que o meu amigo me queria dizer é que, de facto, no dia 20 de Agosto, um bocadinho depois das 14h, após o tumulto que não interessa lembrar, e assim de repente, sem avisar, passaram-nos as dúvidas todas e ficámos prontos. E se para ele era espectacular (como o bungee jumping), para nós, quando nos perguntam como é, dizemos, como quem comeu o melhor rebuçado do mundo: "É fixe!"


domingo, 19 de agosto de 2012

O projecto tapete

Está terminado!

Apesar de ter tido "aulas" de propósito para o fazer e de ter sido o último a acabar, foi o mais fácil de todos. Depois de começar 4 vezes para acertar com a medida, depois foi só continuar. A pior parte foi mesmo o peso e o calor que este "monstro" começou a causar a partir de meio-feito.
Confesso que já o podia ter acabado antes, não fossem estes dois factores.


Tem 2 m x 1,60 m, usei 23 rolos de trapilho de 400gr cada. E sim, está assim um nadinha de esguelha, mas é artesanato, e foi o meu primeiro trabalho de crochet, está bem?

Não é bem um napron que se possa lavar e engomar direitinho a seguir, por isso está agora enrolado a ver se corrige um bocadinho as curvas do feitio. E isto com o tempo e o barulho das luzes depois não se nota nada, agora faz-lhe falta é putos a brincar em cima para endireitar. :)

E está tudo avisado, nada de sapatos da rua em cima do tapete!

sábado, 18 de agosto de 2012

O Feriado afinal é uma Folga

O Feriado não é uma presença assídua aqui no blog, porque não é meu, mas sim da minha sogra, mas já teve direito a um post e uma BD.

Pois o Feriado foi comprado em 2005, para animar o escritório do nosso antigo emprego e foi assim baptizado simplesmente para chatear o chefe. Mas cresceu demais para se aguentar na tradicional piscina com uma palmeira no meio e teve de se mudar para casa do Homem-Que-Não-Assina.

Fred para os amigos, o Feriado cresceu então até mais de 30cm e segundo a literatura atingiu a maturidade no ano passado, ao completar 6 anos.

Como tem acesso a sair do seu lago, achávamos engraçada a sua teimosia em entrar em casa e explorar a horta, numa constante azáfama, debaixo de móveis e destruindo alfaces, e chegou-se ao ponto de ter de criar barreiras de passagem à prova de tartaruga.

Ora, todo este corropio terminou enfim, e percebemos agora o que buscava o Feriado nos seus passeios...um local de desova. Acabou por desovar 5 ovos na borda do seu lago. Afinal o Feriado é uma Folga! Pararam os constantes passeios pelo quintal, a sua missão está cumprida, mas infelizmente não houve um macho para acabar a tarefa.


E agora o desabafo de uma grávida do alto dos seus 85kg: "Até o caraças da tartaruga pariu antes de mim!"

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Saudades da barriga

Estive para fazer um hate-post sobre a célebre frase "Vais ver que depois tens saudades dessa barriga!".

Depois pensei em fazer antes um ode-post à oxitocina, por claramente ser um tão bom estupefaciente a fazer esquecer as mulheres de todo o desconforto que sofreram durante semanas a fio.

Mas depois acabei por lhes dar razão, porque dei por mim a pensar "Onde raio vai o Homem-Que-Não-Assina pousar a cerveja?" e "Onde vou eu jogar Sudoku?"


quarta-feira, 15 de agosto de 2012

O projecto apliques de parede

Mais um projecto iniciado por não conseguir encontrar nada à venda com a relação giro-bom preço. Mais pela parte do giro mesmo...

Os apliques custaram 2,99€ e os boiões de tinta vitral 3,38€ cada. Um projecto barato, mas com uma parte técnica complicada. Usei a marca de tintas Pebeo.

Nunca tinha pintado vidro antes, e fica o aviso para quem se quiser aventurar. Há que planear, e se possível testar, todo o trabalho antes de começar, porque esta tinta seca muito rapidamente e em superficies grandes acaba por causar manchas se não for bem distribuída à primeira.

A boa notícia é que podem sempre pegar no diluente, apagar tudo e começar de novo...

Fazer uma pintura homogénea é muito complicado e mais vale optar por escolher um padrão quando se fazem grandes superfícies. Não se nota bem nas fotos, mas o fundo amarelo tem um quadriculado, fruto das 2 de-mãos que levou, em sentidos perpendiculares.

Os animais foram feitos com stencil's comprados, mas a forma abaulada do vidro não permitiu pintar directamente no stencil. Daí os contornos feitos com marcador.
Os arbustos e árvores tambem foram feitos com stencil's, mas feitos por mim.


O elefante, por ser o bicho de maior superfície, e por causa do tal problema da tinta secar rapidamente, levou 3 de-mãos e mesmo assim, com a luz acesa, nota-se perfeitamente onde parei na 1ª de-mão para por mais tinta no pratinho.

Apesar do desaire do elefante, para primeiro trabalho de pintura de vidro, estou orgulhosa. é muito mais difícil do que pensei, e no fundo a ideia era fazer uns apliques com ar infantil, tarefa que acho ter conseguido.


A pergunta que todos me fazem

Sim, ainda conduzo.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

O projecto cortinado


Como já tinha explicado, o projecto cortinado foi uma ideia de costura que me surgiu ao visitar os Saldos na  Moviflor. 


Encontrei um cortinado que claramente era muito pequeno para a janela em causa, mas o preço e os bonecos da selva disseram-me que estava ali a solução.

Numa altura em que ainda não planeava comprar nada para o "Projecto Putos", acabei por quebrar a regra para aproveitar a promoção e além disso qualquer razão serve para dar trabalho à Borletti...

Depois de uma visita à Feira dos Tecidos para comprar o resto do material, e outra ao Leroy Merlin para o sistema de estore japonês artesanal que inventei, meti mãos à obra. 


Está pronto e pendurado o cortinado japonês, ou veneziano, como queiram, no quarto dos putos. O sistema  de abertura consiste em puxar uma cordinha à esquerda, que vai enrolando num acessório na parede e o cortinado arruma-se sozinho em pregas no topo. Já vi à venda com os 2 nomes, escolham o que vos faz mais sentido. 
E o meu cortinado ficou ou não um espectáculo? (fotos em contraluz são sempre complicadas...)


The Boogie Man

Uma foto com música.
(Leitores do Reader e Facebook, é melhor virem ao blog para ouvir)


Boogie Man by AC/DC on Grooveshark

domingo, 12 de agosto de 2012

Problema resolvido

Como colocar o produto das pulgas num gato com quase 10cm de profundidade de pêlo?

Simples! Basta uma máquina de cortar cabelo, faz-se um quadradinho e já está!


quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Um perímetro a recordar

Lembram-se daquele programa da Sofia Aparício?

Era 86-120-86, não era?

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Chamaste?

Depois sou eu que mimo o gato....


terça-feira, 31 de julho de 2012

Esgotei as molas

Vocês já sabem como eu gosto de vos mostrar fotos do meu estendal.

Pois agora tenho mais uma para a colecção.


Só tenho pena do Homem-Que-Dobra-As-Meias...

sábado, 28 de julho de 2012

Notícias do tapete

É só para dizer que o projecto do tapete já vai a mais de meio.


sexta-feira, 27 de julho de 2012

Teste ao android

Qualquer desculpa serve para tirar fotos ao bicho mais mimado e mais lindo.


terça-feira, 24 de julho de 2012

Boas surpresas no quintal

Quando se compra um pauzinho espetado num vaso com uma etiqueta a dizer "Framboesa", não se está à espera de ter realmente frutos quanto mais ter frutos apenas 4 meses depois de espetar o pauzinho no quintal.

Mas aí estão elas, as minhas primeiras framboesas!

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Troca-se The Red Bimmer por Carrinha de Caixa Aberta

Isto é o carrinho e os 2 ovos dentro do The Red Bimmer. Sim, baixei os bancos de trás para caber tudo.


Suponho que depois com os putos não possa ir assim, não é? Não percebo porquê, ainda há ali um espacinho à esquerda para eles...

segunda-feira, 16 de julho de 2012

A moda vai pegar

As modas pegam quando se vêm os cromos a usar isto ou aquilo.

Como aquelas chuteiras cor de rosa que custam os olhos da cara porque o Cristiano Ronaldo usa umas. Ou como o fato de natação completo que toda a gente usava no ano a seguir ao Phelps ganhar tudo e mais alguma coisa nos Jogos Olímpicos.

No Tiro com Arco não é diferente, há sempre um boom de vendas do arco que ganhou o Campeonato do Mundo, das flechas que apareceram usadas por alguém conhecido ou das aljavas que não sei quem assinou.

É por estas "modas" que vos digo: para o ano, nas provas em Portugal, e quem sabe no estrangeiro, vai ser só barriguinhas na linha de tiro....