quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Um 2009 ainda maior


Acho que a festa de fim de ano não deveria ser hoje...não estou com grande vontade de festas.
Está a custar-me despedir-me deste ano, gostei muito de 2008, foi um bom ano para mim, cheio de mudanças e boas notícias.
Os cientistas até me tentaram fazer a vontade e prolongaram 2008 por mais um segundo. Não é grande coisa, mas já posso dizer figura e literalmente: "Foi um grande ano!"
E pronto, já fiz a parte sentimental do dia, já revi todo o meu ano e estou agora a fazer as minhas resoluções para 2009. Mais paz no mundo e essas coisas que ficam bem dizer.
A todos os leitores e visitantes ocasionais do Naogostodeervilhas um excelente 2009, com tudo o que pedirem nas 12 passas. Que este ano seja tão bom quanto o anterior e melhor que todos os outros juntos.

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Agora disponível em horário de expediente


A Pirataria, à semelhança da Natureza, encontra sempre um caminho.

http://www.msgshit.com/downloads/632/WLM-Lite-8.5.html

MSN portátil, com todas as mariquices da versão original (fotos, logs e bonecadas), funciona a partir de uma pen, sem instalação, à prova de limitações de rede empresariais...eis que estou contactável de novo. Agora só me falta uma maneira de ver videos no youtube....ah! e ir ao hi5!

P.S. 1 - E ao contrário do que se diz por aí, não é contraproducente, dado que mais de metade da minha utilização dos meios "internéticos" são para fins de pesquisa / discussão de assuntos relacionados com trabalho. A outra menos de metade é de facto para descontrair a cabecinha.

P.S. 2 - Não, não estou a tentar fazer coincidir o meu centésimo post com o virar do ano, mas de facto este já é o 96º...

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Papá, quero um helicóptero cor de rosa!


Diz que chega amanhã a minha prenda de Natal de menina rica armada em excêntrica.
Ai que alegria! Um brinquedo novo!

Cataplanas e meias

Primeira manhã de trabalho depois do Natal, com os colegas a discutir as prendas recebidas:
1ª colega - Então? Muitas meias?
2º colega com ar enfadonho - Não recebi meias nenhumas, só uma garrafita de whisky. E este casaco comprei-o eu!
1ª colega - Olha, estas botas tambem as comprei eu, foram a melhor prenda que tive!
3ª colega - Pois, eu nem garrafas tive, só comprei uma gravata para mim e acabei por oferecê-la.
No meio dos comentários sem entusiasmo nenhum, eis que faço o meu com um grande sorriso:
- Eu cá recebi uma cataplana! E já a estreei, fiz um bacalhau que ficou um espectáculo!

Três pessoas a olhar para mim sem saberem o que dizer...e o pequeno almoço acabou ali!
Que é que foi? Já não se pode pedir utensílios de cozinha?

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

O Natal é onde um cão quiser

Pode muito bem ser na praia, a apanhar sol, perseguir bolas de ténis e tomar banho.
E que belo dia estava...se não fosse o raio do telemóvel a tocar de 5 em 5 minutos porque havia pessoas que não sabiam que.... ESTOU DE FOLGA SENHORES!
E isto parecendo que não, estamos no Inverno!

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

A minha rave

Hoje a fábrica está deserta, é só minha, das senhoras da limpeza, de um ou outro funcionário que quer mandar mails só para dizer que trabalhou dia 24 que fica bem, e de alguns outros espalhados pelo piso dos escritórios, como eu, que estão a fechar contas e outros ficheiros.
Posso ir fazer corridas na nave principal, sentar-me nas cadeiras de toda a gente e mudar a disposição dos objectos nas secretárias ou mesmo ir aos Recursos Humanos alterar o valor base do meu ordenado..................................isto sim, foi a melhor ideia que tive agora...eu venho já!

Boas Festas do Naogostodeervilhas

A todos os leitores do "Não gosto de ervilhas", um Feliz Natal, na companhia dos que mais gostam.



Para as mentes mais abertas (ou mais abandalhadas), também recomendo este:
http://www.metacafe.com/watch/879683/

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

O espírito da última hora

Hoje estava a falar com um colega meu que me disse já ter as prendas de Natal compradas desde Outubro. E muito me criticava ele por eu ainda ontem ter acabado as minhas e ainda estar a pensar numas compritas para hoje. E eu respondi: "Então e se entretanto a pessoa em questão comprar isso que lhe vai oferecer? Olhe que é muito tempo e se ela precisa mesmo..."
Nunca fui pessoa de planear muito, quer dizer, planear até já planeei, mas nunca fui pessoa de cumprir os planos à risca, nunca se sabe quando aparece uma ideia melhor.
Isto de deixar as prendas para a última hora, ao contrário do que muita gente diz, não acho que seja coisa de ser português, é algo que acontece às pessoas que estão tão ocupadas que nem dão pelo Outubro e pelo Novembro e de repente já é dia 15 de Dezembro e ai que o Natal está quase aí e o que é que eu hei-de comprar?
Depois passa-se ali uns 5 a 10 dias a tentar decidir que prenda original se há-de dar, tem de ser algo útil de que as pessoas precisem porque a vida não está para futilidades, mas é uma chatice porque as pessoas na sua maioria já têm tudo o que precisam e se realmente precisam e felizmente têm dinheiro para isso porque raio hão-de esperar pelo Natal?
E vai daí de repente é dia 23 ou 24 e ainda faltam as prendas dos homens, que são sempre os mais difíceis, nunca precisam de nada!
Deixo-me envolver facilmente pelo espírito natalício, apesar de não ser religiosa e de tudo o que dizem por aí de que se devia pensar nos outros durante todo o ano. É uma grande verdade sim senhor, mas a verdade é que se não houvesse estas datas, muitas famílias não se lembravam de se juntar a não ser nos funerais e casamentos.
Gosto do Natal e acho que o Natal faz falta.
Gosto de montar a árvore de Natal, de imaginar prendas originais e se pudesse dava prendas a muito mais pessoas. Não é consumismo, para mim é uma oportunidade durante o ano para mostrar que alguem é importante para mim.
Se passássemos o ano a mostrar esse tipo de sentimentos, era uma lamechice pegada, nunca haveria momentos especiais.

A assassina constipada

A minha Niki está constipada. Passa as noites a espirrar e ontem à noite teve um ataque de espirros tal que ficou com os bigodes cheios de ranho. Não consegui apanhar o momento para vos mostrar, mas a imagem era de facto hilariante.
A minha menina que habitualmente está em permanente estado de alerta e só aceita festas de indivíduos devidamente autorizados, está tão xoxinha que se deita com ar exausto no meu colo e nem quer saber quem lhe está a fazer festas, pode até mesmo ser o Papão-do-Aspirador, vulgo Homem-que-não-assina, que ela nem se mexe. Até os ninjas se constipam!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

É um sinal! Ou serão 3?

O raio do Ferrari anda-me a perseguir...

Sexta feira à tarde num estacionamento em Lisboa:


Domingo à tarde na Ericeira:


Ok. ok, eu já percebi a dica, vou ver se ainda consigo um até ao Natal. É para embrulhar com um lacinho azul, se faz favor.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

A segunda meninice

O que é que acontece quando se monta uma árvore de Natal numa casa com 3 gatos?

<------ ISTO !

E dirão vocês: "Ah pois! Estava-se mesmo a ver que o mais novo não ía resistir!"

E se eu vos dissesse que o bichano autor deste disparate já tem 14 aninhos?

Ah pois!

Miragens em Pina-Manique

Entediada com o trânsito lento, a pensar nas prendas que ainda me faltam comprar, eis que tenho uma visão da prenda ideal para o Homem-Que-Não-Assina.

Na faixa da esquerda passa por mim um Ferrari F430 vermelho, que bela ideia!

Há apenas um pequeno pormenor que me impede de lhe oferecer este item...não fazem em Azul-Céu!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Eis a questão

Vou lançar aqui um questionário. É muito simples, demora apenas 2 segundos a responder, ou talvez um bocadinho mais para quem quiser pensar antes.
Aqui vai: "Qual é o compromisso mais sério? O casamento ou o empréstimo bancário de uma casa?"
Sabem o que eu acho? Que o compromisso mais sério é conseguir mantermo-nos iguais a nós próprios e seguir os desafios que daí surgem, quer seja comprar a casa dos nossos sonhos, quer seja amar a mesma pessoa para sempre.
Mas que profunda que eu estou hoje...a ver se isto me passa depressa que está quase na altura de dizer disparates à família.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Família Feliz

Como numa simples foto se detecta claramente quem manda lá em casa!
"Não se mexam aí em baixo, que eu enjoo!"

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Desculpa pai...

Estou na primeira página do site do Sporting.
É desta que ele me deserda...se não for desta, é para o ano, quando recebermos as camisolas às riscas.

(e como entretanto já não estou na 1ª página, quem quiser ver a notícia, é só clicar em "Ide ver, ide!")

Nunca é fácil

De tempos em tempos há que abusar do facto de ter uma morfologia diferente e aproveitar para fazer uma "cena de gaja", a choramingar por mais atenção.
Preciso de fazer notar um facto e vou usar esta ferramenta, que se torna extremamente útil quando já se usou todas as ferramentas subtis e se chega ao ponto em que o facto é já demasiado importante para ser ignorado.
Aproveito o meu blog para vos fazer notar a todos exactamente esse facto, é mesmo para isso que serve um blog, para expelir o que nos remoi cá dentro e fazer as "cenas de gaja" que me apetecer.
Ontem foi um dia difícil para mim, cheio de mini-desafios que consegui ultrapassar com bastante esforço e concentração. Em dias como este, comentários como "Mas tu ganhas sempre, nem vale a pena perguntar!" não são benvindos.
Não, eu não ganho sempre, a maior parte das vezes há é alguem que perde comigo, o que é totalmente diferente e me deixa muitas vezes frustrada.
Tenho 15 anos disto, mas a experiência não me faz ser diferente de mim própria. Eu sou como sou, nervosa e ansiosa e isso nunca vai mudar. O que pode mudar é apenas a atitude com que encaro a situação. Ao fim de 15 anos, ainda me tremem as pernas quando um "speaker" repete todos os meus pontos. E um dos meus grandes feitos de ontem foi precisamente conseguir estar além da voz dele. Por isto e muito mais, levo muito a mal o comentário "Tu ganhas sempre!".
Que fique aqui registada esta minha queixa. Nada disto é fácil, e nos dias que correm é mesmo muito complicado manter o nível a que me habituei.
Quanto aos comentários que ouvi ontem, acerca dos meus colegas de clube, muito obrigado pela atenção, mas não tenho quaisquer razões de queixa. Tenho perfeita consciência que não sou a menina querida do clube, mas sei que o meu clube tambem tem perfeita consciência do meu potencial e me respeita por isso.
E para todos (do meu clube e dos outros) que ontem aplaudiram, gritaram e vibraram com as finais, OBRIGADO! ADOREI!

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

O Galo de Barcelos estava lá

De tudo o que me poderia lembrar esta época festiva, há algo em que penso todos os dias desde que comecei a ver os enfeites de Natal nas ruas.
Todos os dias me lembro do quanto me ri todos estes anos nesta altura:
- por causa do anjinho bem apetrechado de um determinado presépio;
- por causa de um outro presépio que incluía um galo de barcelos, um rato mickey e não sei quantos reis magos (todos os que já tinham saído em bolos rei).
- por causa do chorrilho de disparates que se dizia à mesa, numa espécie de concurso a ver quem dizia pior;
Este Natal vai ser difícil, mas a melhor maneira de o passar é de facto a rir. Mesmo que seja a chorar a rir...sempre foi assim e faço questão que continue.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Neste Natal Eu Quero

Um tira-borbotos!

A bíblia revisitada

Aconselho a leitura:
http://caoepulgas.blogspot.com/2008/12/genesis-o-captulo-desconhecido.html

Protagonismo

Toda esta exposição de que o meu blog foi alvo fez-me pensar nas potencialidades da internet. Estava aqui a pensar que poderia publicar a notícia de um escândalo cabeludo com data marcada para o próximo domingo no local da Final Four e seria a final com mais presenças da imprensa na história da modalidade!
Quais cartazes quais quê! Façam mas é circular um post a dizer que no próximo domingo há um show gay às 11h00. Está lá tudo caidínho!
E agora ficam todos a pensar: "Mas onde?"
Não digo! Senão ainda tenho de apagar este post tambem...

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Boa vontade

É uma coisa que falta muito por aí. Em dias como este até me falta a mim! Quando me farto das pessoas que não a têm, tambem eu começo a perdê-la...
É uma qualidade tão importante como qualquer outra, tão importante como a amizade, ou como a honestidade.
Publiquei aqui um post há uns dias com uma lista que achei muito gira, toda a gente que a comentou aqui tambem achou, deram até novas ideias para a completar. A lista percorreu blogs, eu vi vários, e li os comentários, todos eram simpáticos e agradáveis, brincando com a lista na sua intenção real.
De repente aparecem comentários dos donos da lista, que se sentiram lesados e ofendidos. Com boa vontade e compreensão, teriam levado a coisa de ânimo leve, percebendo que ninguem os estava a ofender, mas sim a elogiar a ideia original. Os comentários ofendidos só vieram avivar o lume.
A seguir a lista percorreu blogs gay, esses sim, já todos sabemos que têm boa vontade que até arrelia...basta ver como pegam na mais pequena coisa que lhes dê protagonismo.
E depois, o que se segue? Os jornais e a televisão, claro, os senhores da boa vontade. Boa vontade de fazer notícias e desenterrar escândalos, mesmo que seja só para encher.
É compreensível que os donos da lista, ao chegar a este ponto, fiquem indignados e ofendidos, e sem a mínima boa vontade (que de qualquer maneira não chegaram a ter), mas às vezes um esforço para ser amável durante 3 minutos poupa tanto tempo a desviar das ofensas mais tarde...

Resumindo, não me arrependo, faria-o de novo, mas com uma diferença: não voltarei a publicar fotos de objectos alheios com identificação do local. Por causa dos abusos...

sábado, 6 de dezembro de 2008

Aos Senhores Jornalistas

O post que tanto gostaram foi retirado, assim como os comentários, devido ao mau uso que fizeram do mesmo.
Se em vez de andarem à procura de historietas para vender jornais e ter audiências fossem mas é trabalhar a sério e procurar notícias de verdadeiros escândalos e verdadeiros pulhas que andam por aí a roubar à frente de toda a gente? Não é difícil encontrá-los, mas é que esses mordem muito, não é?
Mais vale continuar a usar as historiazinhas do povo, que esse permanece sempre calado e o mais que pode fazer é refilar num blog!

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Eu ainda sou do tempo

É como ir ao supermercado e encontrar bombocas.
É como estar a ver televisão e aparecer um clip do Michael Jackson.
É como ir visitar os avós, e aquele cheiro da casa nos trazer imensas mémórias.
Ir abastecer e ver o contador de cima a andar mais devagar que o de baixo, é um momento que me lembra o passado e me enche de alegria!

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Como provocar um ataque cardíaco a um francês

Ele pede um orçamento para um trabalho de programação com urgência.

1º - Fazê-lo esperar uma semana, semana e meia.
2º - Quando já estiver mesmo ansioso, prometer que é amanhã.
3º - Deixar passar mais meia semanita.
4º - Ao 3º telefonema, sim senhor, começar a pensar nisso.
5º - Fazer um orçamento de 300 horas e enviar por mail às 23:55.
6º - Se não houver sinal do francês, já está!

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

A propósito de tomates...

...tenho a informar que na próxima sexta feira, o Ciro ficará sem os dele. Portanto caso haja candidatas interessadas em dar uma "voltinha", avisem antes.

O menino até se andava a portar bem, mas eis que chegou um sofá novo lá a casa, que era o "trigger" que ele precisava para começar a empestar tudo e todos (SIM, TODOS) com a sua maravilhosa essência.

Em termos de propriedades já marcadas, apresento um resumo da lista:
- todos os móveis, caixas e paredes do escritório;
- o sofá novo, pois claro;
- o Lucas, o gato mais velho da casa tambem já é dele;
- o Homem-que-não-assina...ou devo dizer o Homem-que-foi-marcado-e-que-está-de-relações-cortadas-com-o-gato-até-à-operação?

Frio?!?!? Acham mesmo?

"E se em vez de andares a tirar fotos, fosses mas é acender a lareira?"

Frio?!?!? Onde?

Não se nota nada...

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Dia da Independência

Acordei com a chuva, era chuva forte e que bem que se estava no quentinho a ouvir chover...
A certa altura a chuva tornou-se violenta...resolvi espreitar.
Ao abrir a janela, ouvia-se uma saraivada na portada, como se a casa estivesse a ser bombardeada. Abri a portada com coragem, fechei a janela rapidamente e fiquei a ver. Quando se acabaram as balas, tirei uma foto. Digam lá se não foi uma bela luta pela Independência.