sexta-feira, 27 de março de 2009

Olhóóóóóóóóó fresquiiiiiiiiiinho

Confirmando uma vez mais que estou em plena fase saloia, aproveitei as minhas férias para visitar finalmente a famosa Feira da Malveira.

O acesso não é fácil, há carros estacionados em tudo o que é sítio, num raio de 1km. É preciso estacionar muuuuuuito longe ou então ir muuuuuuito cedo.

A tradição já não é o que era, os tempos tambem são outros, e agora a feira grossista está separada da feira normal. Ou seja, as couves, tomates, presuntos e afins estão na praça central e as vacas, burros, galinhas e porcos estão lá mais acima, num recinto maior.

Fui apenas à praça central, não estava interessada em comprar nenhuma cisterna de leite com cornos...

As bancas de venda são a perder de vista. Há um pouco de tudo, legumes, fruta, charcutaria, pão, peixe, roupa, quinquilharia. Há tambem várias bancas a vender plantas, rebentos e sementes, para quem tenha horta.

Nem preciso de dizer que a qualidade e aspecto dos produtos dá vontade de trazer um bocadinho de tudo. E o preço tambem convida. À parte a charcutaria que é cara mas igualmente boa, tudo o resto está a preços muito mais baixos que no supermercado e com qualidade superior.

Aqui mais abaixo está a foto da minha segunda visita à feira, tudo com aspecto de comer e chorar por mais. Não fosse o carro estar tão longe e eu ter só 2 braços, teria trazido muito mais. Tenho de pensar em investir num daqueles carrinhos de compras que as senhoras levam à praça.

A saloia

Que eu sou distraída já não é novidade nenhuma, mas esta semana tive a prova irrefutável de que estou de facto completamente sincronizada com a vida do campo.

Há lá coisa melhor que estacionar o carro em qualquer lado, sem trânsito, sem parquímetros, sem ter que dar 10 voltas ao quarteirão em busca do lugar vago?

Ora, habituada a estas andanças, dei por mim em Lisboa, no primeiro de 3 dias de formação, a olhar para o parquímetro e a fazer contas:

"Então...5€ por cada 4 horas, dá mais de 10€ por dia...30€ os 3 dias?????"

À hora de almoço fiz aquilo que nem sequer me passou pela cabeça quando saí de casa: fui deixar o carro na periferia e depois apanhei o Metro.

Estou oficialmente saloia!

O caçador de dramas

É engraçado como em todas as formações com temas relacionados com segurança e qualidade há sempre um senhor que já viu, conhece quem viu ou ouviu dizer que aconteceu todos os tipos de acidente abordados no curso. Desde homens caídos em poços até explosões de fábricas passando por queimaduras de vários graus e perda de membros, o homem já viu de tudo.

É normalmente um senhor na casa dos 50 anos, com sotaque engraçado, das Beiras ou do Alentejo, e consegue interromper o discurso do formador pelo menos uma vez de meia em meia hora, para contar um caso terrível que aconteceu com o primo da mulher do cunhado da sogra da tia dele.

Sempre anima os formandos, mantendo a atenção generalizada da plateia, que de outra forma a partir das 15h já só se preocupa com a segurança e qualidade da viagem para casa.

Penso que estes senhores são contratados pela empresa formadora, e ficam ali disfarçados de formandos, mas na verdade trabalham como animadores, com um curso tirado no Chapitô sobre desgraças urbanas e como contá-las em tom de piada.

"Ah, eu conheço um homem que se esqueceram dele numa caixa de esgoto, esteve lá 7 dias e como por acaso houve cheias ele acabou por ser cuspido em jacto pela tampa, mas até ficou mais simpático depois disso e acabou por casar com uma rapariga amiga da minha mulher...."

sexta-feira, 13 de março de 2009

Tenho jeito para estar de Férias

Não, ainda não fui à praia e não tenho estado de papo para o ar os dias todos. Tenho estado até bastante ocupada. Entre treinos, bricolage e jardinagem, tenho conseguido evitar a montanha de papéis para organizar no escritório.

Lucas na plantação de morangos

Para a semana vou então dedicar alguns dias à pratica do papo para o ar e sim, muito provavelmente na praia, só para poder por aqui umas fotos para vos fazer inveja. He he he...

Mister Março 2009

Flores, gatinho, só falta a criança para poder ser um daqueles calendários que dão nos talhos.

quinta-feira, 12 de março de 2009

O momento

Um amigo deu-me um CD com várias fotos, entre elas este momento:



Lindo!

sexta-feira, 6 de março de 2009

Oh Yeah!

Porque tenho direito a uns dias.

Porque não tive férias o ano passado.

Porque dizer que se aguenta muito bem um ano ou mais sem férias é mentira.

Porque já me custa fazer contas aos dias de férias que tenho, quanto mais organizar planos de manutenção e obras.

Porque o trabalho é só uma coisa que fazemos para termos dinheiro para as férias.

Vou fazer uma pausa, arrumar ideias (e a casa) e dedicar-me a mim.

E para quem está a gozar que vai chover nas minhas férias, aqui fica:

quinta-feira, 5 de março de 2009

A amizade é...

...ficar horas a olhar para quem trabalha, só para fazer companhia.

quarta-feira, 4 de março de 2009

Um pedacinho de paz

Não gosto de almoçar no refeitório, já me chega estar aqui fechada o dia inteiro, quanto mais gastar a minha hora de almoço no mesmo sítio, com a agravante de me interromperem sempre com assuntos de trabalho.

Por isso a maior parte das vezes vou dar uma volta, comer qualquer coisa em qualquer lado, o que interessa é sair daqui, ver outras caras, ouvir outras conversas, se possível até num sítio com televisão para ver as notícias.

Hoje optei por comer fora, ou seja, no carro a olhar para a chuva. Chovia a sério, nem me conseguia ouvir pensar.

Aqueles minutinhos a ver chover, acompanhada de um Menu BigMac e uma revista de aquariofilia, são o melhor refeitório onde já estive.


terça-feira, 3 de março de 2009

Aniversário Estarola

É sem dúvida um dos cães mais estúpidos que conheço, com um cérebro talvez mais pequeno que um amendoim. Não fosse o caso de já ter nome e 8 meses quando me chegou às mãos e teria-lhe chamado Rantamplan.

Ponho as mãos no fogo em como se atirava de um precipício atrás de um qualquer pedaço de comida. Engole 1,5Kg de arroz com carne, ração ou mesmo lixo em 30seg., ficando depois meia hora a cheirar todo o chão à volta não lhe vá ter escapado um baguinho.

Gosta muito de ladrar ao desconhecido, seja pessoa, animal ou objecto, mas de longe, só para impressionar. Se algo novo se aproximar demasiado é capaz de fugir 10 metros a ganir antes mesmo de lhe tocar.

Por todas estas "qualidades", porque faz hoje 2 aninhos e porque acho que é o cão mais lindo do mundo, aqui fica a dedicatória, para ouvir com o som no máximo e dançar, se faz favor.

segunda-feira, 2 de março de 2009

15 minutos por dia

Finalmente comprei-a, foi a compra do mês de Março, a minha Wii Fit.

Para começar temos de introduzir os nossos dados, fazer uns testes de equilíbrio e depois ela dá-nos a nossa idade "atlética". Pois...

Eu no sábado tinha 41 anos e no domingo já tinha 20, é fantástico! Muito melhor que cremes anti-rugas!

Permite estabelecer um plano de fitness, ajuda-nos a estabelecer um objectivo e vai dando dicas dos exercícios melhores para isto ou para aquilo.

Decidi para mim própria fazer 15 minutos por dia, um bocadinho de tudo, yoga, musculação, aeróbica e equilíbrio. Até dá para fazer jogging, com a vantagem de não ter cães a ladrar atrás de mim pelo caminho.

O anjinho

"MAS QUEM É QUE ANDA A FAZER XIXI NO ESCRITÓRIO?"

"Ó p'ra mim tão querido, achas mesmo que fui eu?"

domingo, 1 de março de 2009

Detector de pulgas

Quero ver um utilizador de iPhone a tirar uma foto destas:

'Ganda Omnia, só não consegue detectar ácaros!