sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

14

Dizem que o que fazemos no primeiro dia do ano dita como será o resto do ano.
Não quero acreditar nisso, porque o primeiro dia do ano passei-o em casa, a ver TV, sendo que a única tarefa útil que desempenhei foi mudar as pastilhas de travão do carro, o que significaria que vai ser um ano de gastos com The Red Bimmer, e que de resto não vou fazer nada de jeito.

Foi no entanto um final de ano muito atarefado (já estão alinhados uns quantos post's com historietas de fim de ano), e pela primeira vez sem Resoluções de Ano Novo. Resoluções são aquelas ideias que a meio de Janeiro já não nos lembramos quais eram. Para 2014 tenho apenas convicções. Ou objectivos, como lhe queiram chamar. Alguns que só dependem de mim, outros que dependem de terceiros e outros ainda, que, imaginem bem...dependem do vento!

Sem comentários: