terça-feira, 13 de agosto de 2013

Falta de Esperança na Humanidade (pelo menos alguma dela)

Isto dos blog's é muita giro, e dá gozo escrever o que nos passa pela alma  e depois ver como as pessoas reagem e interagem. Também é giro ver como chegaram até ao nosso blog, que pesquisa fizeram, que voltas deu o Google aos nossos textos para corresponder às pesquisas.

Exactamente por causa dessas pesquisas, iniciei com um amigo um outro blog já há algum tempo, para dar resposta às questões sem sentido que milhares de pessoas colocam no Google e que, por algum motivo obscuro, vêm parar aos nossos blog's, como se o Google fosse uma espécie de vidente ou mestre de curas, mas sem o inconveniente de pagar caro, e ainda com a vantagem de responder a questões legalmente ou moralmente duvidosas.

Sinceramente já gostei mais de escrever nesse blog, porque ao longo deste tempo todo comecei a ver o tipo de pessoa que é atraída por ele e cada vez me apetece menos gastar o meu parco talento de escrita com seres que fazem encomendas nos comentários de post's sobre tatuagens invisíveis e sobre documentos falsos.

É por estas coisas que cada vez menos olho para as pesquisas que vêm parar ao Ervilhas e deixei o Perguntas Parvas um pouco ao abandono. Como é que se pode pensar num mundo melhor e mais evoluído com cabecinhas destas espalhadas por aí?

Para terminar deixo-vos o ponto alto do Perguntas Parvas, um post escrito em 2009, que continua a receber  frequentemente comentários de "elevada sabedoria".

Sem comentários: