domingo, 17 de junho de 2012

Os macaquinhos do Inferno

Ao contrário de alguns projectos, que anuncio antes de começar, tiro fotos e documento o processo todo, e até vou dando notícias dos progressos, há outros em que nem sequer tiro uma fotozinha que seja, não vá azarar...
Chama-se a isto falta de confiança, ou  "projectos em que me acagaço".

Foi o caso da pintura do quarto dos putos, em que tive a "brilhante" ideia de separar as cores com uns macaquinhos. Uma ideia simples ao início, mas que eu adivinhei (e bem) que me ía dar água pela barba. E sim, não tenho barba, mas o tempo que demorei a encarreirar com o caraças dos macaquinhos dava para crescer uma...

Se eu tivesse posto uma moedinha de parte por cada asneira e impropério que me saiu durante este trabalho, os putos já tinham agora o dinheiro para a faculdade. Mas assim há a certeza que cada um destes macaquinhos ficou baptizado.

O stencil que se dobrava todo, o rolo que borrava tudo, o stencil que não colava, a fita de papel que descolava, a escolha entre o rolo, o pincel e a esponja (venha o diabo e escolha) e a pintura do Homem-Que-Não-Assina arruinada nas primeiras tentativas.

Devo confessar que só consegui acalmar os nervos (e os macacos) quando dei ouvidos ao Homem-Que-Não-Tem-Paciência Para-Pintar-Macacos, que me dizia que eu sou demasiado exigente e que não podia querer desenhos perfeitos. E aí está, o projecto "Pintura dos Macacos" terminado e finalmente com direito a foto.


Já só faltam os outros projectos todos. :)

1 comentário:

al disse...

Macacos me mordam!