quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Livre arbítrio

Hoje acordei com vontade de curar o mundo.

Mas o mundo não se quer curar, prefere ficar magoado, ressentido, afastado, fechado na sua doença antiga, sem vontade de aprender coisas novas, sem vontade de sair e viver.

Não se pode ajudar quem não quer, o primeiro passo da cura é a vontade, e a vontade só pode haver quando se olha para fora, quando se abre o coração, quando nos damos, quando nos expomos.

Mas curar tambem é expor, tambem é dar, é partilhar a nossa cura, a nossa vontade, por isso, mundo, não tenhas medo de te curar, não te vais abrir sozinho, haverá alguém com tanto a perder como tu.

Hoje acordei com vontade de curar o mundo, mas o mundo não se quer curar.

Vou assim voltar ao "meu" mundo, onde sei que posso ajudar.

Sem comentários: