terça-feira, 2 de abril de 2013

Damn, I'm good


Super-hiper-mega-orgulhosa da minha pequena incursão auto-didacta no mundo do bordado livre, não consigo conter-me e tenho de vos mostrar.
Caraças, que ficou mesmo giro! Para os entendidos o interior em Ponto Trançado e o contorno em Ponto de Haste. (podem clicar na imagem para ver em macro)

E já está! O que começou por ser uma experiência num dos muitos projectos que a creche entrega às mães (nunca pensei que quem tivesse TPC's fosse eu) acabou por se tornar num vício e agora vejo possíveis bordados em tudo: casacos, calças, toalhas de mesa, pára-choques...

The Red Bimmer já me disse que se eu lhe fizer isto volta para a Alemanha.

1 comentário:

al disse...

Coitado do Red Bimmer! A obra está linda e eu muito mais orgulhosa que tu mas no RED BIMMER nunca!