quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Telemóvel novo

Costumava queixar-me a mim mesma de ter de acartar 2 telemóveis pela casa fora, porque ora estava no andar de cima, ora no andar de baixo, e quem liga nunca espera o tempo suficiente para me deixar subir ou descer as escadas para atender.

E pronto, toma lá mais um para não te queixares. E este não podes deixar na sala a tocar sozinho...

terça-feira, 28 de agosto de 2012

O que estou a fazer agora

Os putos dão-me ideias, muitas ideias. :)
Esta ovelha é um stencil para mais um trabalho de costura.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

20 de Agosto passa a ser dia de festa

Pensa-se, imagina-se, sonha-se, fazem-se mil e um planos mas nunca se está pronto. O medo do desconhecido é uma das forças mais poderosas que faz abanar todo o forte de planos e certezas.

Há sempre uma dúvida, um medo, uma incerteza. Seremos capazes, teremos pensado bem, isto será boa ideia, nós nem somos destas coisas, que raio nos deu, medos e dúvidas que se acumulam ao nervosinho da espera.

Lembro-me de uma conversa que tive na sequência de mais uma daquelas perguntas fatais que se seguiram ao nosso casamento, quando respondi: "Falam-nos tanto disso que nem sequer nos dão tempo de pensarmos no assunto por nós!". Um amigo disse-me "Não vale a pena pensar, isto é para fazer e pronto, vão ver que é espectacular!" e lembro-me de ficar a pensar se ele não estaria enganado no tema, e se referia na verdade ao bungee-jumping.

Compreendo agora o que me queria dizer. Ele não se referia a nenhum tipo de actividade radical irreflectida. É de facto algo que só se deve fazer quando se está pronto, sem dúvida, mas o medo faz-nos nunca estar prontos, mesmo depois de não haver volta atrás.

O que o meu amigo me queria dizer é que, de facto, no dia 20 de Agosto, um bocadinho depois das 14h, após o tumulto que não interessa lembrar, e assim de repente, sem avisar, passaram-nos as dúvidas todas e ficámos prontos. E se para ele era espectacular (como o bungee jumping), para nós, quando nos perguntam como é, dizemos, como quem comeu o melhor rebuçado do mundo: "É fixe!"


domingo, 19 de agosto de 2012

O projecto tapete

Está terminado!

Apesar de ter tido "aulas" de propósito para o fazer e de ter sido o último a acabar, foi o mais fácil de todos. Depois de começar 4 vezes para acertar com a medida, depois foi só continuar. A pior parte foi mesmo o peso e o calor que este "monstro" começou a causar a partir de meio-feito.
Confesso que já o podia ter acabado antes, não fossem estes dois factores.


Tem 2 m x 1,60 m, usei 23 rolos de trapilho de 400gr cada. E sim, está assim um nadinha de esguelha, mas é artesanato, e foi o meu primeiro trabalho de crochet, está bem?

Não é bem um napron que se possa lavar e engomar direitinho a seguir, por isso está agora enrolado a ver se corrige um bocadinho as curvas do feitio. E isto com o tempo e o barulho das luzes depois não se nota nada, agora faz-lhe falta é putos a brincar em cima para endireitar. :)

E está tudo avisado, nada de sapatos da rua em cima do tapete!

sábado, 18 de agosto de 2012

O Feriado afinal é uma Folga

O Feriado não é uma presença assídua aqui no blog, porque não é meu, mas sim da minha sogra, mas já teve direito a um post e uma BD.

Pois o Feriado foi comprado em 2005, para animar o escritório do nosso antigo emprego e foi assim baptizado simplesmente para chatear o chefe. Mas cresceu demais para se aguentar na tradicional piscina com uma palmeira no meio e teve de se mudar para casa do Homem-Que-Não-Assina.

Fred para os amigos, o Feriado cresceu então até mais de 30cm e segundo a literatura atingiu a maturidade no ano passado, ao completar 6 anos.

Como tem acesso a sair do seu lago, achávamos engraçada a sua teimosia em entrar em casa e explorar a horta, numa constante azáfama, debaixo de móveis e destruindo alfaces, e chegou-se ao ponto de ter de criar barreiras de passagem à prova de tartaruga.

Ora, todo este corropio terminou enfim, e percebemos agora o que buscava o Feriado nos seus passeios...um local de desova. Acabou por desovar 5 ovos na borda do seu lago. Afinal o Feriado é uma Folga! Pararam os constantes passeios pelo quintal, a sua missão está cumprida, mas infelizmente não houve um macho para acabar a tarefa.


E agora o desabafo de uma grávida do alto dos seus 85kg: "Até o caraças da tartaruga pariu antes de mim!"

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Saudades da barriga

Estive para fazer um hate-post sobre a célebre frase "Vais ver que depois tens saudades dessa barriga!".

Depois pensei em fazer antes um ode-post à oxitocina, por claramente ser um tão bom estupefaciente a fazer esquecer as mulheres de todo o desconforto que sofreram durante semanas a fio.

Mas depois acabei por lhes dar razão, porque dei por mim a pensar "Onde raio vai o Homem-Que-Não-Assina pousar a cerveja?" e "Onde vou eu jogar Sudoku?"


quarta-feira, 15 de agosto de 2012

O projecto apliques de parede

Mais um projecto iniciado por não conseguir encontrar nada à venda com a relação giro-bom preço. Mais pela parte do giro mesmo...

Os apliques custaram 2,99€ e os boiões de tinta vitral 3,38€ cada. Um projecto barato, mas com uma parte técnica complicada. Usei a marca de tintas Pebeo.

Nunca tinha pintado vidro antes, e fica o aviso para quem se quiser aventurar. Há que planear, e se possível testar, todo o trabalho antes de começar, porque esta tinta seca muito rapidamente e em superficies grandes acaba por causar manchas se não for bem distribuída à primeira.

A boa notícia é que podem sempre pegar no diluente, apagar tudo e começar de novo...

Fazer uma pintura homogénea é muito complicado e mais vale optar por escolher um padrão quando se fazem grandes superfícies. Não se nota bem nas fotos, mas o fundo amarelo tem um quadriculado, fruto das 2 de-mãos que levou, em sentidos perpendiculares.

Os animais foram feitos com stencil's comprados, mas a forma abaulada do vidro não permitiu pintar directamente no stencil. Daí os contornos feitos com marcador.
Os arbustos e árvores tambem foram feitos com stencil's, mas feitos por mim.


O elefante, por ser o bicho de maior superfície, e por causa do tal problema da tinta secar rapidamente, levou 3 de-mãos e mesmo assim, com a luz acesa, nota-se perfeitamente onde parei na 1ª de-mão para por mais tinta no pratinho.

Apesar do desaire do elefante, para primeiro trabalho de pintura de vidro, estou orgulhosa. é muito mais difícil do que pensei, e no fundo a ideia era fazer uns apliques com ar infantil, tarefa que acho ter conseguido.


A pergunta que todos me fazem

Sim, ainda conduzo.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

O projecto cortinado


Como já tinha explicado, o projecto cortinado foi uma ideia de costura que me surgiu ao visitar os Saldos na  Moviflor. 


Encontrei um cortinado que claramente era muito pequeno para a janela em causa, mas o preço e os bonecos da selva disseram-me que estava ali a solução.

Numa altura em que ainda não planeava comprar nada para o "Projecto Putos", acabei por quebrar a regra para aproveitar a promoção e além disso qualquer razão serve para dar trabalho à Borletti...

Depois de uma visita à Feira dos Tecidos para comprar o resto do material, e outra ao Leroy Merlin para o sistema de estore japonês artesanal que inventei, meti mãos à obra. 


Está pronto e pendurado o cortinado japonês, ou veneziano, como queiram, no quarto dos putos. O sistema  de abertura consiste em puxar uma cordinha à esquerda, que vai enrolando num acessório na parede e o cortinado arruma-se sozinho em pregas no topo. Já vi à venda com os 2 nomes, escolham o que vos faz mais sentido. 
E o meu cortinado ficou ou não um espectáculo? (fotos em contraluz são sempre complicadas...)


The Boogie Man

Uma foto com música.
(Leitores do Reader e Facebook, é melhor virem ao blog para ouvir)


Boogie Man by AC/DC on Grooveshark

domingo, 12 de agosto de 2012

Problema resolvido

Como colocar o produto das pulgas num gato com quase 10cm de profundidade de pêlo?

Simples! Basta uma máquina de cortar cabelo, faz-se um quadradinho e já está!


quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Um perímetro a recordar

Lembram-se daquele programa da Sofia Aparício?

Era 86-120-86, não era?

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Chamaste?

Depois sou eu que mimo o gato....